“Marketing é a ciência na escolha de mercados-alvo e obtenção, manutenção e aumento de consumidores por meio de criação, entrega e comunicação de valor superior ao consumidor” Kotler e Keller

Todos já estamos calejados de saber sobre a importância do marketing na administração das empresas e na otimização dos resultados, porém, conversando com alguns clientes e amigos, percebemos que ainda há muitas dúvidas em relação a esta área e o objetivo deste artigo é justamente esclarece-las, orientando uma pessoa leiga no assunto, para o entendimento de como criar um plano de marketing.

Para começar, vamos esclarecer uma das dúvidas mais comuns. marketing e propaganda não são a mesma coisa, na verdade, o mix de marketing é formado pelos 4 “P” produto, praça (região geográfica/distribuição), preço e promoção (comunicação), sendo a propaganda um importante integrante do quarto “P” a comunicação.

Discorrendo um pouco mais, o Marketing é um dos principais departamentos de uma empresa, junto à finanças, RH e produção, já a Publicidade e Propaganda é o braço do Marketing que cuida da comunicação para com os públicos consumidores, sendo também de suma importância para o mix de marketing.

Esta dúvida existe pelos dois andarem interligados. A Propaganda e o Marketing acabam por gerar uma certa confusão na cabeça de quem não entende muito do assunto, pois existem muitas agências de propaganda que prestam consultoria de marketing (como nós da Blah!) e também há muitos departamentos de marketing que norteiam os trabalhos das agências de publicidade com informações, pesquisas e estratégias que ajudam na otimização dos recursos e geração de bons resultados para a empresa ou cliente em questão.

Agora que você já sabe um pouquinho mais, vamos ensinar de uma maneira simples como criar um plano de marketing para sua empresa, lembrando é claro, que uma das bases mais importantes do marketing é a informação, e por isto, talvez seja necessário um certo tempo até que você consiga formar um sistema de informação de marketing (SIM).

Primeira Etapa: Análise da Situação

A primeira etapa na elaboração do seu plano de marketing, deve ser uma análise holística da situação, sua empresa, seus clientes, concorrentes, equipe, ambiente e a análise SWOT(forças X fraquezas, oportunidades X ameaças).

O ideal para se fazer esta análise é que seja realizada uma pesquisa de mercado por parte de uma empresa especializada ou por uma agência de marketing, pois esta, levantará as informações necessárias assertivamente, tornando mais embasado o seu trabalho.

Toda via, é melhor que você tenha suas próprias estimativas registradas no seu plano de marketing do que não possuir informação alguma, por isto, mesmo que no momento a contratação de uma agência de marketing seja inviável, siga estas etapas e você estará alguns passos à frente de seus concorrentes, ou pelo menos no mesmo pique.

  1. Análise da Companhia:

Primeiro você vai começar realizando uma análise da sua companhia, quais são seus objetivos de curto e longo prazo, qual o seu objetivo alinhado a sua visão, missão e valores, qual a personalidade da sua companhia, sua cultura, se é uma empresa mais descontraída ou mais séria.

Quais são seus pontos fortes, fracos e uma estimativa da sua participação de mercado.

  1. Análise dos clientes:

Logo após, passaremos a analisar os clientes atuais e potenciais. Nesta etapa, você deve fazer uma estimativa de sua base de clientes junto aos seus principais dados demográficos, como idade, classe social e sexo.

É importante pensar quais são os valores desejados por estes clientes e se os seus produtos suprem essas necessidades emocionais ou funcionais.

  1. Análise da concorrência:

A terceira análise a ser realizada é a da concorrência. Quem são seus principais concorrentes, concorrentes indiretos ou produtos substitutos. Quais são os pontos fortes e fracos e qual a participação de mercado de cada um de seus concorrentes, quem é o líder, quem foi o pioneiro e quem são os desafiantes ou seguidores.

  1. Colaboradores:

Nesta etapa você deve avaliar sua equipe, fornecedores e pessoas que contribuem ativamente para o funcionamento do seu negócio. Analisar o risco destas pessoas lhe deixarem na mão, a possibilidade de substituí-las sem comprometer seus processos administrativos e comerciais. É importante prever cenários e encontrar alternativas que você possa seguir em caso de imprevistos.

  1. Ambiente

Aqui, você deverá estudar os ambientes político, econômico, social, cultural e tecnológico do qual sua empresa se insere.

Procure entender por exemplo, se existem leis que podem influenciar o seu mercado, questões tributárias e se há alguma tecnologia que pode chegar e revolucionar o seu segmento de atuação.

Lembram do que aconteceu com a Kodak, certo? A empresa entrou em risco de extinção depois que a tecnologia das câmeras digitais tornou obsoleto o filme fotográfico. Por isto evite correr riscos com teimosia, tente prever os cenários ficando por dentro do que acontece no mundo e se prepare para enfrentar qualquer divergência com equilíbrio.

  1. Matriz Swot

Por último, faremos uma Matriz Swot, uma planilha onde você fará uma análise de todas as suas forças e fraquezas como também as oportunidades e ameaças atinentes ao seu mercado.

Posteriormente, esta planilha poderá servir como base para você criar um plano de ações de marketing otimizando suas forças e amenizando suas fraquezas, fazendo com que sua empresa se torne cada dia mais competitiva e madura em seu mercado de atuação.

E assim, fechamos a primeira parte do nosso tutorial “Como Criar um Plano de Marketing”. Nosso próximo passo é a segmentação de mercado, aguardem!

Tem algo para nos contar? Seu feedback é muito importante para nós. Envie um e-mail para atendimento@ideiasblah.com.br ou pelo nosso formulário de contato e logo responderemos suas dúvidas.